Möchten Sie zur deutschen Seite wechseln?JaNeina
Fechar
X
Compartilhar esta página
Relatório
Media and Entertainment|Technology|Brazil|Portuguese (Brazil)

Armazenamento em nuvem

07.09.2015

Faça o download o relatório Armazenamento em Nuvem, com os resultados global e do Brasil

  • O estudo global da GfK revela que o armazenamento de conteúdos em nuvem é considerado essencial para quase um terço (31%) da população mundial online.
  • A pesquisa revelou que os países latino-americanos são aqueles registram o maior número de adeptos da computação em nuvem.
  • No Brasil, mercado dominado por 4 serviços, com presenças similares em todas as classes, exceção ao iCloud. 

É crescente a discussão sobre o poder do armazenamento em nuvem e os impactos que terá sobre o consumo de conteúdo. Pensando nisso, A GfK investigou o nível de relevância deste serviços com mais de 26.000 pessoas. Dado o destaque do Brasil nesse quesito, aprofundamos algumas questões relacionadas ao uso de armazenamento em nuvem. 

Baixe o relatório gratuitamente

Clique aqui para fazer o download do relatório

Tenha também os infográficos

Total por país
Média global

Sobre o estudo

A GfK conduziu uma pesquisa online (pessoalmente, na Ucrânia) com mais de 26.000 pessoas com mais de 15 anos, em 22 países. O trabalho de campo foi realizado em 2014. Nos países onde a pesquisa foi feita online, os dados foram ponderados para refletir a composição demográfica da população com mais de 15 anos, em cada mercado. Na Ucrânia (entrevistas feitas pessoalmente), o estudo pesquisou a população urbana do mais alto nível, com mais de 15 anos, excluindo os mais baixos níveis de SES, e foi restrito a pessoas que usaram a Internet nos últimos 30 dias. Os países mencionados neste estudo são: Argentina, Austrália, Bélgica, Brasil, Canadá, China, França, Alemanha, Hong Kong, Itália, Japão, México, Polônia, Rússia, Coreia do Sul, Espanha, Suécia, Taiwan, Turquia, Reino Unido, Ucrânia e EUA.

Fale conosco
   
 
 
General