Möchten Sie zur deutschen Seite wechseln?JaNeina
Fechar
X
Compartilhar esta página
Press release
Health|Industrial Goods|Public Services|Retail|Technology|Automotive|Consumer Goods|Energy|Market Opportunities and Innovation|Trends and Forecasting|Brazil|Portuguese (Brazil)

Estudo global da GfK aborda valores ambientais em 23 países

06.06.2015

São Paulo, 6 de junho de 2015 – Em homenagem ao Dia Mundial do Meio Ambiente, a GfK divulga os resultados de uma pesquisa global sobre valores ambientais que realizou com mais de 28 mil com consumidores, com 15 anos ou mais, em 23 países. Os entrevistados responderam com que intensidade concordam com afirmações específicas sobre responsabilidade ambiental de marcas, empresas e indivíduos.  

Empresas e marcas devem ser ambientalmente responsáveis 

Na média global, mais de três quartos (76%) dos entrevistados concordam que as marcas e empresas devem ser ambientalmente responsáveis. Os resultados por país,mostram que o Brasil é o quinto pais mais preocupado com a responsabilidade ambiental de marcas e empresas. A lista é encabeçada pela Índia (94%), Indonésia (93%), Turquia (83%) e França (82%). Nas últimas posições, estão os Estados Unidos (66%), a Suécia (62%) e o Japão (58%). 

Sinto culpa ao agir de forma ambientalmente não responsável 

Os entrevistados também responderam o quanto se sentem culpados ao eventualmente agir em desacordo com o conceito ecologicamente correto. As respostas dos consumidores brasileiros colocaram o país no 3º lugar da lista, com 75% dos entrevistados declarando sentir culpa quando tomam alguma atitude contrária aos valores ambientais.  Nas primeiras posições da relação estão os consumidores da Índia (85%) e da Indonésia (83%).  

Só consumo produtos e serviços alinhados com minhas crenças, valores e ideais 

Na média global, 63% dos entrevistados concordam que somente consomem produtos e serviços alinhados com suas crenças, valores e ideais. A divisão por países mostra mais uma vez os consumidores indianos e indonésios à frente. No Brasil este índice chegou aos 71%, colocando o País na 5ª posição, à frente da China (72%) e da Ucrânia 78%). 

Sobre o estudo
Para a pesquisa, a GfK entrevistou mais de 28.000 pessoas, com 15 anos ou mais, em 23 países, online ou pessoalmente, entre junho e agosto de 2014. Os países incluídos são Argentina, Austrália, Bélgica, Brasil, Canadá, China, França, Alemanha, Índia, Indonésia, Itália, Japão, México, Polônia, Rússia, África do Sul, Coreia do Sul, Espanha, Suécia, Turquia, Reino Unido, Ucrânia e EUA. 

Sobre a GfK
A GfK é uma fonte confiável de informações relevantes sobre os mercados e consumidores, permitindo que seus clientes tomem decisões mais inteligentes. Mais de 13.000 especialistas em pesquisa de mercado combinam a paixão pelo que fazem com uma longa e vasta experiência em ciência de dados. Isso permite que a GfK forneça insights globais, combinados à inteligência de mercado local, em mais de 100 países. Através de tecnologias inovadoras e ciências de dados, a GfK transforma o big data em dados inteligentes, possibilitando que seus clientes alavanquem a sua vantagem competitiva e enriqueçam as experiências e escolhas dos consumidores. 

Para obter mais informações, visite www.gfk.com ou siga a GfK no Twitter: https://twitter.com/GfK 

Mais informações para a imprensa:
Hilda Aquino
11 9 8444-6473
Hilda.c.aquino@gmail.com

Download (PDF)

Fale conosco
General